7 Estratégias Eficientes De Marketing Para Multinacionais - 21BRZ Scroll to top
21BRZ - Comunicação e Marketing

7 Estratégias Eficientes De Marketing Para Multinacionais

Marketing é, antes de tudo, um grande desafio: foi-se o tempo em que o marketing servia apenas para produzir algumas peças com layout bonito. Cada vez mais, os trabalhos deste setor exigem dedicação e comprovação de resultados.

Por isso que, encontrar uma estratégia de marketing eficiente para uma empresa é essencial para influenciar positivamente nos resultados da organização. No post de hoje, a 21BRZ irá falar sobre as principais estratégias que multinacionais podem utilizar para alcançar clientes e ter resultado.

O que é estratégia de marketing?

estratégia de marketing

Uma estratégia de marketing, basicamente, é buscar (e encontrar) meios de se ter um marketing bem sucedido. Alguns dos pilares de uma estratégia de marketing são:

  • Definição de objetivos;
  • Pesquisa aprofundada do público;
  • Definição de meios de comunicação;
  • Análise de métricas e resultados.

Somente quando se tem um objetivo claro (como por exemplo, aumentar as vendas ou a lembrança da marca) é que é possível construir uma eficiente estratégia de marketing. Além disso, conhecer profundamente o público e as diversas personas, é o ponto de partida para a busca de resultados.

pilares de estratégia de marketing

Como escolher uma estratégia de marketing eficiente?

Se você der um google, não te faltarão opções de estratégias de marketing para aplicar em sua empresa. No entanto, não é qualquer estratégia que dará certo com seu negócio. Na hora de escolher a estratégia de marketing para uma multinacional, é preciso levar em conta:

  • Tipo de negócio da empresa;
  • Perfil do público-alvo;
  • Ticket médio do produto;
  • Nível de consciência exigido para tomar a decisão de compra;
  • Canais disponíveis para compra;
  • Budget disponível para investimento em publicidade;
  • Presença atual da marca e nível de lembrança;
  • Posicionamento da marca;
  • Entre outras coisas.

Só depois de colocar tudo isso no papel, será possível escolher alguma estratégia para sua empresa. Fique atento ao blog da 21BRZ, frequentemente postaremos conteúdos que irão te ajudar a entender cada um dos pontos acima.

Agora, no entanto, nós iremos falar um pouco sobre as sete estratégias mais utilizadas no mercado, e vamos explicar para quais mercados cada uma delas fazem mais sentido:

Inbound Marketing

O Inbound Marketing também é chamado de marketing de atração. O conceito do inbound marketing, na prática, é preparar o terreno para que o cliente seja atraído até a empresa, sem a necessidade de fazer uma prospecção ativa.

estratégia de marketing

As fases do Inbound Marketing são quatro: atração, conversão, fechamento e encantamento. Iremos falar de cada uma delas a seguir:

Atração

Por meio da produção de conteúdo relevante, o potencial cliente é atraído até o site, blog ou até mídias sociais da empresa. A ideia aqui é gerar valor, respondendo dúvidas e vencendo objeções.

Por exemplo, vamos pensar uma empresa que comercializa um software de gestão de pessoas: essa empresa pode, em seu blog, produzir conteúdos trazendo algumas ideias e sugestões para que gestores aumentem o tempo dos funcionários nas empresas em que pedidos de demissão são frequentes.

Deste modo, quando gestor pesquisar no Google por como aumentar o tempo de permanência na empresa, ele poderá consumir o conteúdo da empresa de gestão.

Nós iremos falar, em um dos tópicos deste artigo, sobre a eficácia desse tipo de conteúdo para os negócios.

Mas, o fato é que, por meio desse conteúdo de blog, o possível cliente se tornou um visitante do site. O desafio, agora, é torná-lo um lead, e é aqui que entra segunda fase inbound.

Conversão

Para transformar um visitante em um lead, ou seja, em um contato de sua lista de e-mails, será necessário ofertar algo que o motive a deixar o contato com sua empresa, como por exemplo um e-book, um webinário, ou até mesmo a assinatura da newsletter.

Com um contato direto com seu potencial cliente, é possível seguirmos para a terceira fase:

Fechamento

O fechamento é a ação de compra do seu lead que acontece a partir de uma oferta que você faz (e não, oferta não é necessariamente uma promoção, é apenas o ato de ofertar seu produto). Porém, antes da oferta, é preciso se preocupar com o relacionamento.

Por meio daquele contato direto que você conquistou do seu potencial cliente, você precisa gerar relacionamento através de mais conteúdos e informações relevantes para ele. Veja bem, o foco aqui é seu lead, e não sua empresa. Por isso, mais do que falar da empresa, é preciso fazê-lo sentir-se bem e realizado.

Depois que seu cliente estiver suficientemente próximo à sua empresa, aí sim você pode ofertar seu produto, sempre demonstrando o quê seu produto melhora na vida do seu lead.

Encantamento

Após fechar sua venda, o trabalho não acabou. Agora é o momento de gerar ainda mais valor para seu cliente, com eventos, mimos, conteúdos, premiações, enfim. Com tudo o que for possível para transformá-lo em um advogado da marca.

Para quais empresas é recomendado o Inbound?

O Inbound Marketing não é para qualquer empresa. Na verdade, essa estratégia é recomendada apenas para empresas que tenham produtos de médio e alto ticket, e que exijam um nível maior de convencimento.

Inbound marketing é um processo que pode demorar alguns meses para trazer os primeiros resultados, no entanto, para o tipo de empresa citada acima, os resultados são altamente satisfatórios.

Marketing de Conteúdo

A definição mais comum de marketing de conteúdo é:

[..] o processo de criar, publicar e promover conteúdos personalizados para seu cliente, esse é um método de marketing que se baseia na formação de um público fiel por meio da criação e compartilhamento de conteúdo.

Na prática, o marketing de conteúdo consiste em ajudar, tirar dúvidas ou informar seu cliente de maneira relevante e constante. Os efeitos do marketing de conteúdo são diversos, como por exemplo:

Aumento de autoridade

Quando uma empresa ou pessoa é vista falando de algum assunto, e falando bem, quem recebe aquela comunicação passa a enxergar o autor como referência e autoridade naquele mercado. Quanto mais conteúdo uma empresa produz, mais as pessoas comprarão dela, por vê-la como referência.

Exposição e lembrança de marca

O conteúdo aumenta a exposição da marca de uma maneira não invasiva. Pense bem nos métodos tradicionais de publicidade: são sempre uma interrupção da vida do outro. Por exemplo: uma propaganda para ser vista na TV, precisa interromper o programa favorito do cliente. O conteúdo é uma propaganda agradável, que não interrompe nada, mas gera valor.

O Ícaro de Carvalho, que atua no mercado digital por meio da produção de muito conteúdo, tem uma frase muito interessante: conteúdo é a única propaganda que você repete o tempo todo, e o cliente ainda pede mais.

O marketing de conteúdo não tem contra-indicações. Todas as empresas, de todos os tamanhos podem utilizar dessa estratégia.

Outbound Marketing

O Outbound Marketing é uma estratégia já consagrada, porém mal aplicada por muitas empresas. A definição corrente de outbound marketing é:

Outbound Marketing é um processo de prospecção ativa para abordar potenciais clientes que correspondem ao perfil de cliente ideal, que é definido por um conjunto de parâmetros ligados às características do cliente que se adapta melhor à solução oferecida.

Ao contrário do Inbound, que prepara o terreno para os clientes, o outbound identifica o cliente e corre atrás dele.

Neste caso, existem dois modelos de negócio onde é interessante utilizar o outbound:

  • Empresas B2B com ticket médio alto e ciclo de vendas longo;
  • Empresas B2C com ticket médio baixo e ciclo de vendas curto;

No primeiro caso, o foco geralmente está em ações não tão invasivas, como por exemplo o patrocínio de eventos, anúncios on e off, etc.

No segundo caso, estão ações mais rotineiras, como ligações de telemarketing, anúncios em televisão, etc.

Marketing de Comunidade

O marketing de comunidade, como o nome sugere, consiste em explorar alguns princípios humanos de relacionamento para construir uma comunidade em volta da marca. Por meio do marketing de comunidade, o senso de pertencimento é ativado, o que motiva o surgimento de defensores e promotores da marca.

Todas as empresas podem se beneficiar do marketing de comunidade e, para fazer isso, alguns elementos são importantes:

  1. Tenha um espaço próprio: defina um local para que as pessoas que desejarem participar da comunidade. Pode ser um grupo no facebook, um canal no Telegram, uma plataforma própria do site da empresa, etc;
  2. Tenha uma linguagem própria: para fortalecer o pertencimento, crie palavras que faça sentido somente para quem está na comunidade;
  3. Defina um benefício imediato: deixa muito claro qual o benefício imediato seu lead terá ao participar da comunidade;
  4. Defina premiações: premie os membros da sua comunidade esporadicamente. Mostre que a empresa se importa com eles e se sente grata por tê-los tão próximos.

Mídias Online

estratégia de marketing

Uma outra estratégia muito eficiente, mas que não deve ser utilizada de maneira isolada, são as mídias de anúncios online. Os objetivos são diversos, como por exemplo: lembrança de marca, venda, geração de leads, tráfego para o site, propagação de conteúdo, instalação de algum aplicativo da empresa, etc.

Algumas opções são: Google Ads, Facebook Ads, Instagram Ads, Waze Ads,Pinterest Ads, Taboola etc.

Nós temos um artigo aqui no blog onde falamos das principais ferramentas de marketing digital, inclusive de anúncios. Para acessar, clique aqui.

Mídias OFF

estratégia de marketing

Um outro recurso, que não pode ser ignorado, são as mídias offline. Com grande alcance, elas são uma opção para empresas que têm um budget maior de investimento. Algumas opções de investimento em mídias off são:

  • Outdoor;
  • Televisão;
  • Rádio;
  • Revistas;
  • Banners;
  • Busdoor.

Apesar do investimento nessas mídias ser maior do que no ambiente digital, a escolha correta dos veículos de exibição dos anúncios pode colocar  a marca em um outro nível de exposição.

Eventos

Uma última estratégia que iremos abordar por aqui, são os eventos. Estes podem ser promovidos diretamente pela empresa, ou em parceria com outras organizações e pessoas. Esta estratégia é recomendada para empresas que necessitam fortalecer o relacionamento com os prospects e leads.

Por meio dos eventos, é possível condensar várias das estratégias citadas acima: conteúdo, outbound e comunidade, por exemplo.

Cada vez mais os eventos presenciais se mostram mais eficientes para o fechamento de novos negócios. Que tal experimentar em sua empresa?
Essas foram algumas das estratégias de marketing que podem ser utilizadas por multinacionais. Existem outras ações que devem ser consideradas, e que colocamos em nosso e-book 09 ações poderosas para redes e franquias. Para acessar, clique aqui.

Posts relacionados